Espiritualidade Ganha Asas

SpiritualCoaching

Coach BhiaBeatriz      terça-feira, 2 de janeiro de 2018

Compartilhe esta página com seus amigos

O que a compra de um sabonete me ensinou sobre Espiritualidade e Religião.

Spiritual Coaching

No início da idade adulta eu queria comprar um sabonete que anunciava muito na tv mas a grana era sempre curta e o sabonete daquela marca custava bem caro na época.

Nunca fui de me importar muito em comprar algum coisa pela marca, sempre tive como critério para as compras o quanto eu realmente preciso daquilo que quero comprar.

Mas naquela época eu caí na grande armadilha dos gatilhos mentais que aquela marca de sabonete usava e abusava nos comerciais da tv. Como sou do tipo "cinestésica" eles me pegaram também... pois um dos maiores gatilhos que eles usam até hoje na divulgação é a experiência sensorial. Isto ainda chama a minha atenção até hoje quando vejo aqueles comerciais mostrando as sensações da pele com o uso do sabonete. Não vou citar a marca porque isto não é relevante para esta história. O importante é compartilhar com você a experiência daquela época e o que aquela experiência com a compra de um sabonete me ensinou sobre espiritualidade e religião.

O fato é que acabei comprando o tal sabonete. Depois de assistir a tantos comerciais na tv passei a namorar a ideia de comprar aquele sabonete que se tornou um objeto de desejo pois, como disse antes, a grana era curta e tinha que economizar até na marca do sabonete. Anos depois o tal sabonete entrou em promoção e o preço dele despencou, agora estava super acessível. Bem, eu não precisei nem pensar duas vezes... o objeto dos desejos estava ali na minha frente por um preço incrivelmente baixo... Sim, eu podia comprar. COMPREI!

Fui para casa feliz com o sabonete que me daria a experiência sensorial com a qual vinha sonhando há tanto tempo. Tenho que confessar, a marca entrega o que promete, a experiência sensorial é, de fato, muito rica. Além da suavidade quando toca a pele ainda tem um perfume gostoso que torna a experiência ainda mais sensorial.

Mas o grande aprendizado veio em seguida. Logo nos primeiros dias de uso o sabonete estava quase todo derretido na saboneteira. Todo sabonete se derrete um pouco mas aquele é diferente, ele cria uma gosma e mais da metade dele fica derretido na saboneteira. E sabe o que é pior? Aquela parte derretida do sabonete não dá para usar. Além de ficar meio gosmenta toda aquela parte derretida não só perde o perfume como ainda fica com um cheiro muito ruim.

Para uma pessoa cinestésica como eu... não preciso nem dizer que alí eles estragaram todo o trabalho que fizeram com seus gatilhos mentais nos comerciais de tv.

E tem mais um fator que me fez parar de comprar aquele sabonete... sim.. digo parar porque ainda comprei mais algumas unidades para testar. Fiz todos os testes possíveis... até trocar de saboneteira, mas o problema sempre permaneceu. E quando conversei com mais algumas pessoas que também tinham sido fãs da marca e elas me contaram que tiveram a mesma experiência... então parei de fazer testes e nunca mais caí nos gatilhos mentais daquela propaganda.

O Que Esta Experiência Me Ensinou Sobre Espiritualidade

Até hoje eu tenho a sensação de que aquele problema é uma forma de forçar o consumidor a gastar mais rápido o seu sabonete.

Eu tenho um valor interno muito forte que me mantém sempre alerta contra o desperdício. Acredito que as coisas devem ser bem aproveitadas e jamais desperdiçadas. Este é um princípio muito importante pra mim e foi o que me fez desistir de continuar comprando aquele sabonete, pois uma grande parte dele vira gosma mal cheirosa e vai fora em total desperdício.

Esta experiência me fez refletir sobre as religiões que conheci quando eu ainda acreditava que espiritualidade e religião eram a mesma coisa.

Pratiquei duas religiões em épocas diferentes da minha vida mas conheço muito sobre várias outras porque sou pesquisadora e fui em busca de informações enquanto ainda pensava que era preciso ter uma religião para me desenvolver espiritualmente.

Em cada uma dessas religiões que pratiquei eu tive uma experiência bem parecida com a compra do sabonete. Antes de entrar na religião tudo parecia perfeito e quando estava lá dentro as coisas não eram bem assim. Eu sei que perfeição não existe mas me refiro às promessas que são feitas por algumas pessoas quando estão na missão de te convencer a entrar na religião delas. Para um buscador do desenvolvimento espiritual que ainda não tenha descoberto que espiritualidade e religião são coisas diferentes estas abordagens são sempre convincentes. Na maioria das vezes o que acontece lá dentro, no dia a dia, é muito diferente da ideia que a gente comprou.

Eu acabei descobrindo que não preciso de uma religião para praticar a espiritualidade e me desenvolver como pessoa. Mas isto é porque eu não sou muito fã de dogmas, doutrinas e gurus. Com o Spiritual Coaching aprendi a me conectar diretamente com o Criador e hoje sei que não preciso de gurus interferindo nesta conexão.

Mas o Spiritual Coaching também beneficia as pessoas que sentem a necessidade de praticar uma religião. Tenho atendido pessoas que estão insatisfeitas com suas vidas e encontram no Spiritual Coaching o caminho para se reconectar com sua Essência e desenvolvem a sua Espiritualidade, independente da religião que praticam.

E tem também as pessoas que querem desenvolver a espiritualidade sem religião e ainda não sabem como. O Spiritual Coaching é ideal para estas pessoas. 

Se você gosta de religião... Se você gosta de rituais... Se você gosta de dogmas... Se você gosta de seguir um padrão... Se você gosta de ter uma pessoa acima de você dando as ordens... Se você gosta de egrégora... então está tudo bem ter uma religião para praticar a sua espiritualidade.

Mas saiba que você escolhe ter uma religião porque você GOSTA e não porque precisa. Ninguém precisa ter uma religião para praticar a espiritualidade.

Se você gosta da ideia de ter uma religião... vai com tudo... mas vai com a consciência expandida e saiba escolher a tua religião.

Dá uma olhada se esta religião que você escolheu não está sendo como a experiência do sabonete... derretendo na saboneteira e criando uma gosma mal cheirosa.

Dá uma olhada se esta parte que derrete na saboneteira não está trocando de cheiro. Dá uma olhada nisso... veja se te venderam uma coisa e quando você está dentro ela é outra. ... Se você entrou nesta religião porque te venderam valores que estão alinhados com os teus e quando entra você descobre que aqueles valores não são praticados e o que é praticado lá dentro agride os teus valores... Se for assim "cai fora"... procura outra... até você encontrar uma religião que realmente preencha a tua alma.

Mas antes de trocar de religião... experimenta falar direto com o Criador. Pede para o Criador te orientar na busca pela religião que realmente vai alimentar a tua alma e não vai agredir os teus valores depois que você estiver lá dentro.

Se precisar de ajuda considere passar por um Processo de Spiritual Coaching. Você terá toda a clareza que precisa para tomar as melhores decisões da sua vida.

Clique Aqui e Peça Ajuda!

Aumente Seus Lucros com o Marketing Espiritual

Cadastre seu e-mail e descubra como aplicar nos seus Negócios.


Programa Completo que elimina o lixo emocional acumulado.

Como Remover Cicatrizes Financeiras

Marketing Espiritual na Prática